sem adiar

bom dia. se até em 2021 você deixou para começar o ano depois do carnaval, sentimos em dizer, mas chegou a hora. toda procrastinação tem hora para acabar. vamos que vamos.

A disparidade dentro de Israel

MUNDO 

Algo quase paradoxal está acontecendo em Israel. Enquanto o país lidera a vacinação no mundo, em termos de proporcionalidade, o coronavírus está devastando as comunidades ultraortodoxas israelenses.

Explicando: tradicionalmente, as famílias ultraortodoxas são numerosas, muitas vezes moram em pequenas casas e mantêm práticas que são o oposto do distanciamento social, como orações em grupo e acompanhamento de funerais.

Vários membros do Haredim, um grupo de judeus altamente religioso, decidiram ignorar os protocolos de Israel. Muitas escolas e sinagogas se mantiveram abertas e alguns até protestaram contra as medidas.

O governo relutou em penalizar os ultraortodoxos que violassem os protocolos de combate ao vírus. Há que diga que o primeiro-ministro tenha medo de incomodar alguns parlamentares que fazem parte de sua aliança de governo.

Em Israel, existem famílias que desconfiam de hospitais e intervenções externas e estão sendo tratadas em casa, o que é perigoso nos casos mais graves. A tensão entre os ultraortodoxos e os outros israelenses é antiga, mas ficou ainda mais visível durante a pandemia.

O que mais é destaque no cenário mundial?

A Câmara ganhou uma nova pauta nessa semana

BRASIL

Ontem só deu isso nos noticiários: a prisão de Daniel Silveira. Não sabe quem é?

Daniel é deputado federal pelo Rio de Janeiro, do PSL. Ele foi preso depois de divulgar um vídeo em que defendeu o fechamento do STF e fez apologias ao AI-5 (um instrumento de repressão da ditadura militar).

O deputado também ficou nacionalmente conhecido quando quebrou uma placa com o nome de Marielle Franco — é provável que você se lembre da imagem.

O que chama atenção no caso? A “violação” da imunidade parlamentar, prevista pela Constituição brasileira. Na teoria, os parlamentares são invioláveis, civil e penalmente, por quaisquer de suas opiniões, palavras e votos.

  • Isso existe para que os legisladores — agentes fundamentais da democracia — possam falar livremente sobre o que bem entenderem, sem amarras ou restrições dos outros poderes.

Sendo assim, deputados e senadores não podem ser punidos por suas opiniões — por mais absurdas que sejam.

O conflito: O STF vem entendendo que essa imunidade constitucional não é absoluta e que as opiniões devem estar relacionadas ao exercício da função, não podendo um deputado sair por aí falando o que bem entender, especialmente se viola os princípios democráticos.

E agora? O STF, de forma unânime, determinou a prisão de Daniel, feita em flagrante e não admitindo fiança. Porém, a detenção de um deputado federal precisa passar pelo crivo da Câmara, que pode decidir por manter ou não a ordem de prisão. Essa decisão pode acontecer hoje.

Além do óbvio: A prisão causou um grande burburinho na Câmara e pode atrapalhar o andamento da agenda econômica do Brasil. O Congresso estava avaliando renovar o auxílio emergencial, mas teve que paralisar as discussões para falar sobre o futuro do deputado.

Se não ficou claro, a desavença é uma crise entre o Legislativo (do qual faz parte Daniel Silveira) e o Judiciário (STF). Mas claro, todos estão de olho se Bolsonaro, do Executivo, vai se pronunciar.

O que mais você precisa saber?

A arte cria, o vinho copia 

ANÚNCIO (+18)

Desde que apresentamos a Vinho 22, vocês já têm seu vinho preferido. Depois de consolidar os rótulos do 22 — que chegaram para ser a escolha fácil dos jovens adultos e já viraram clássicos — a empresa decidiu ir além, mas com os pés bem firmados em solo brasileiro. A novidade é o grande lançamento do 22 Tarsila

Contextualizando…

Não precisamos gastar muito tempo dizendo quem foi Tarsila do Amaral, né? Com certeza você a conhece, nem que seja das aulas de Artes do colégio ou dos livros de História. O problema é que muitos só sabem identificar o Abaporu. 

Tarsila não gostava de agir conforme a manada. Ela decidiu quebrar os padrões e as formalidades da época e, por isso, tornou-se a referência que é para a arte brasileira. Inclusive, a Semana de Arte Moderna de 1922 (entendeu de onde vem o 22?) estava terminando hoje, há exatos 99 anos.

  • Dois coelhos em uma cajadada só: Assim como o vinho, a arte precisa ser democratizada — principalmente, a nossa. Por isso, a Vinho 22 se uniu à Tarsila. 

Sabe quando uma conversa sem muitas intenções acaba virando um caso de amor? Foi assim com a Vinho 22 e a Tarsilinha, sobrinha-neta da artista. A química rolou e resolveram, juntos, lançar a linha premium 22 Tarsila

São três vinhos novos — com rótulos de impressionar — estampados com obras da artista. A Lua (tinto), Antropofagia (branco) e Abaporu (rosé)De uma só vez, a Vinho 22 descomplicou a arte e o vinho, que eram velhos símbolos elitistas. 

Lembre-se que você tem 22% de desconto com o código thenews22’. Clique aqui para conhecer os rótulos do 22 Tarsila que, claro, são produzidos no Brasil.

Uma notícia que envolve notícias

TECNOLOGIA 

Agora, para se informar, os usuários do Facebook na Austrália terão que encontrar outra forma de ler notícias. A rede social decidiu impedir que os users no país compartilhem — ou simplesmente vejam — links de notícias em sua plataforma.

Por quê? Recentemente, foi aprovado pela Câmara de Representantes da Austrália um projeto que forçaria as grandes empresas de tecnologia, como Google e Facebook, a pagarem aos editores de notícias para compartilhar seu conteúdo na plataforma.

  • Para entender melhor, funciona assim: as agências de notícias criam seus conteúdos, que depois são compartilhados nas redes sociais ou aparecem no Google quando você pesquisa por eles.

A crítica é que essas plataformas se tornam relevantes — e rentáveis — com conteúdos que não foram produzidos por elas. Porém, por outro lado, os editores se beneficiam com o alcance proporcionado pelas mídias sociais.

Enquanto o Facebook foi ponta firme, o Google decidiu uma abordagem diferente e fechou um acordo de US$ 30 milhões com a Nine Entertainment para continuar divulgando notícias em seu site, além de já ter firmado contrato com outras duas empresas de jornalismo.

Essa lei seria muito mais prejudicial ao Google, que depende muito mais do compartilhamento de notícias que o Facebook. Apenas 4% do conteúdo dos feeds dos usuários australianos na rede social de Zuckerberg eram de notícias.

Dias de glória para os veganos

NEGÓCIOS 
A post shared by KITKAT (@kitkat)

Estávamos aqui pensando na complexidade da decisão de virar vegano… Além de deixar de comer carnes e ovos, não se pode comer KitKat. Mas, para a alegria do grupo, a Nestlé decidiu resolver esse problema.

  • A empresa anunciou, nessa semana, que planeja lançar o KitKat V, uma versão do doce sem qualquer ingrediente de origem animal.

Análise de mercado: o plant-based tem se difundido muito e, com isso, cresce também a demanda por produtos veganos. Segundo a Nestlé, um dos pedidos mais comuns nas redes sociais era justamente por um KitKat vegano.

O interessante é que recentemente muitos produtos, ou até mesmo marcas, já estão nascendo assim. No caso da Nestlé, no entanto, trata-se de um produto já consolidado que está se adaptando à nova realidade e perder clientes nunca é uma opção.

O lançamento está programado para o final deste ano e segue os passos da Lindt e da Mars, que já têm suas barras de chocolate 100% à base de plantas.

Os traders voltaram dos dias de folga

ECONOMIA 

Depois de aproveitarem esse carnaval inédito — sem confete e fantasias — os investidores voltaram para o home broker. Ontem, o Ibovespa fechou em alta de 0,78%, aos 120.355 pontos.

  • Nessa quarta-feira, a força veio dos grandes: as blue chips.

São chamadas de blue chips as ações de grandes empresas, que já são consolidadas no mercado e na Bolsa de Valores. Petrobras, Vale, Usiminas..

O desempenho positivo do primeiro pregão da semana acompanhou o que aconteceu com os ADRs enquanto o mercado estava fechado por aqui. Os ADRs — os papéis de empresas brasileiras negociados na bolsa de NY — tinham se valorizado nos últimos dias.

Destaque corporativo:

  • As ações da Embraer (fabricante de aeronaves) alçaram voo e subiram mais de 14% ontem. O motivo foi a notícia de que a empresa está em negociação com a Lufthansa para trocar alguns pedidos de aeronaves. Os jatos da Embraer são tidos como mais adequados nesse momento de corte de custos na aviação.

E o dólar? A moeda americana subiu 0,76%, sendo cotada a R$ 5,41.

O que mais é destaque em economia?

the news 📬

Mais inteligente em 5 minutos. Somos uma newsletter gratuita e diária, que tem por objetivo te trazer tudo que você precisa saber para começar o seu dia bem e informado.

Notícias, de fato, relevantes sobre as principais atualidades do mundo, do Brasil, tecnologia e do mercado financeiro, sempre nessa ordem.

Direto na sua caixa de entrada do e-mail favorito, sempre às 06:06. É gratuito e só clicar no botão abaixo.

Gostaria de anunciar conosco? Clique aqui.

Até amanhã, às 06:06

Sempre chegamos em sua caixa de entrada, por volta das 06:06. Alguns servidores de e-mail são teimosos e atrasam… Outros são piores ainda e nos jogam para o spam e/ ou promoções. Sempre que não nos encontrar na caixa de entrada, procure nessas duas.