o certo que já reconhece

bom dia. muitas vezes, sabemos o que é certo a ser feito, mas ignoramos. talvez seja esse o maior motivo de dor de cabeça e conflitos por aí... coloque atenção nisso. no certo que você já reconhece.

Nevasca no Texas deixa mais de 5 milhões sem energia

MUNDO

The winter has arrived in the US. Sim, começamos falando em inglês e essa foi uma tentativa de trocadilho com o clássico “The Winter is Coming” para ilustrar e te chamar atenção para o que está acontecendo nos Estados Unidos agora.

Uma tempestade de inverno está atingindo o país e a temperatura caiu para níveis não sentidos em um século ou mais na Biden's land.

Desde o início da semana, algumas regiões do Texas, por exemplo, registraram temperaturas menores que no Alasca. Dallas registrou -15º C.

O que é mais grave? As pessoas estão ficando sem energia. Com o aumento da demanda por aquecedores, as companhias elétricas de várias cidades não aguentaram a sobrecarga. Pelo menos 5 milhões de americanos ficaram sem energia e muitos passaram a última noite no escuro e o pior… Sem aquecedor.

De volta ao Texas… No estado, que é tradicionalmente quente, a segunda maior fonte de energia é a eólica e metade da geração dos “moinhos” (uggs) foi interrompida pelo frio.

Já agradeceu por morar em um país tropical hoje? O presidente dos EUA, Joe Biden, aprovou o estado de emergência no Texas ontem, mas a expectativa é que algumas regiões do país ainda enfrentem mais 3 dias de nevasca.

O que mais você precisa saber sobre o mundo?

Seu hamburger vai ficar mais caro no iFood

BRASIL

Preste atenção nos números. 18% e 35,22%. O primeiro foi o aumento no preço das carnes no ano de 2020. O outro representa o aumento de janeiro do ano passado até o período atual, hoje.

Entenda que quando falamos em consumo de carne, indiretamente, estamos falando do mercado agro. Sobre isso, você precisa saber — e precisa mesmo — que o agronegócio representou mais de 20% de todo o PIB brasileiro em 2019 e cresceu mais ainda no ano de 2020.

O que estamos querendo dizer? No ano passado, com o preço da carne de boi subindo, o consumo de proteína bovina pelos brasileiros caiu ao menor nível em mais de duas décadas e isso é extremamente relevante.

Por que o preço está subindo tanto? Dois motivos são mais aparentes. (i) O aumento do gasto do produtor com rações, que são commodities e tem o preço cotado em dólar, que subiu; (ii) alta na exportação, especialmente da China, que vem comprando muita carne do Brasil desde o final de 2019, o que diminui a oferta do produto no mercado brasileiro.

  • Sendo assim, a cada nova alta do dólar — e consequente desvalorização do real — além da alimentação dos animais ficar mais cara, é mais favorável exportar que vender aqui.

Resultado? Seu pedido no iFood vai ficar mais caro, ao mesmo tempo que menos brasileiros terão carne bovina no prato.

Dados: O consumo de carne bovina foi de 29,3 kg por habitante em 2020, que representa menos 5% em relação a 2019 — ano em que o consumo já havia recuado 9% — e deve diminuir ainda mais em 2021. Saiba que comer carne bovina todos os dias é um privilégio. Dê valor…

Bilhões de dólares e ameaças de morte

TECNOLOGIA

O tempo passa rápido, mas você deve se lembrar do fenômeno GameStop. Se não, recapitulando:

Um grupo de pequenos investidores se juntou em uma plataforma online, o Reddit, para comprar ações da GameStop, elevando o valor dos papéis em mais de 2.000%.

Nesse cenário, a Robinhood foi uma das principais corretoras usadas para as negociações, que envolveram bilhões. Com isso, a plataforma acabou bloqueando as operações de compra e venda, depois da alta inesperada dos preços.

Segundo a empresa, o bloqueio havia sido feito para que os clientes se informassem antes de continuar com a compra desenfreada de ações. No entanto, líderes empresariais e legislativos consideraram a decisão inaceitável.

A situação só piora: os usuários da corretora estão tão furiosos que alguns jogaram fezes na sede da empresa. Vlad Tenev, o CEO da Robinhood, recebeu diversas ameaças de morte, que o fizeram optar por se hospedar em um hotel ao invés de dormir em casa.

O que mais foi destaque em tecnologia?

O divórcio de Adidas e Reebok

NEGÓCIOS

Comprar algo e depois ver que não valeu à pena é sempre frustrante. Quando se trata de uma aquisição de 3,8 bilhões de dólares, a sensação deve ser ainda mais amarga. Esse é o provável sentimento do responsável da Adidas pela compra da Reebok, em 2006.

Desde que o negócio foi feito, há 15 anos, as vendas da Reebok só caíram. Em 2007, a receita da empresa representava aproximadamente 25% do faturamento da Adidas, sendo que hoje esse número caiu para 6,7%. O que fazer? Vender.

A compra da Reebok foi feita pela Adidas para tentar competir com seu eterno adversário, a Nike. Nos últimos anos, a estratégia foi tentar posicionar a marca como atraente para atletas de Crossfit e UFC, algo que não deu muito certo.

Os próximos passos não estão muito claros, mas a estimativa é que a Reebok valha hoje cerca de US$ 1,2 bilhão. Isso significa que a Adidas levou um prejuízo de mais de US$ 2,5 bilhões com a compra. Dilsinho chamaria isso de um péssimo negócio.

O “boom” das empresas de maconha nos EUA

ECONOMIA

Quem investe sabe que alguns mercados são mais difíceis de analisar. A indústria da maconha é um deles, não apenas devido à peculiaridade da matéria-prima.

O principal desafio do setor é que ele depende diretamente de leis que regulamentem o uso e a comercialização da erva para expandir seus negócios.

Embora a maconha seja liberada em 36 dos 50 estados americanos para fins medicinais e em 15 para uso recreativo, não existe uma lei federal de descriminalização.

No entanto… Depois de um grande período de volatilidade, as empresas de maconha parecem estar finalmente pegando onda.

  1. Desde novembro, a Tilray acumula 340% de alta.

  2. A Aurora Cannabis e a Aphria subiram 150% e 240%, respectivamente.

  3. Outro exemplo é o THCX, um ETF que representa 30 ações de companhias de cannabis, que se valorizou 143% desde novembro.

Por quê? A alta é, principalmente, uma resposta à vitória de Joe Biden. Durante sua campanha, o presidente defendeu a descriminalização da maconha, além da retirada da planta da mesma seção que classifica drogas como a heroína. Com maioria democrata na Câmara e no Senado, a expectativa é que o caminho para aprovação seja mais fácil.

Os investidores do mundo todo estão de olhos bem abertos para a atuação de Biden nesse tema, já que a descriminalização nos EUA abriria caminho para um processo global parecido.

O que mais é destaque em economia?

the news 📬

Mais inteligente em 5 minutos. Somos uma newsletter gratuita e diária, que tem por objetivo te trazer tudo que você precisa saber para começar o seu dia bem e informado.

Notícias, de fato, relevantes sobre as principais atualidades do mundo, do Brasil, tecnologia e do mercado financeiro, sempre nessa ordem.

Direto na sua caixa de entrada do e-mail favorito, sempre às 06:06. É gratuito e só clicar no botão abaixo.

Gostaria de anunciar conosco? Clique aqui.

Até amanhã, às 06:06

Sempre chegamos em sua caixa de entrada, por volta das 06:06. Alguns servidores de e-mail são teimosos e atrasam… Outros são piores ainda e nos jogam para o spam e/ ou promoções. Sempre que não nos encontrar na caixa de entrada, procure nessas duas.